Ilustração de mãos femininas segurando uma caneta, escrevendo no calendário menstrual, com absorventes íntimos ao redor

9 formas de como regular a menstruação

5 de dez de 2023
comentários

Nós separamos 9 dicas de como regular a menstruação, entre elas alguns hábitos, como uma alimentação mais saudável. Saiba mais!

Nos primeiros anos da menacme (que é a nossa vida reprodutiva, desde a menarca até a menopausa), é bem comum perceber uma irregularidade na frequência da menstruação. 

 

No entanto, ciclos menstruais regularizados possuem, em geral, duração de 28 dias, podendo variar de 24 a 35 dias. Já a menstruação costuma durar entre quatro e oito dias. Quando a menstruação vem novamente com menos de 21 dias de intervalo ou com mais de 35 dias, ou não desce por mais de três períodos consecutivos, é indicado investigar as causas desse cenário e, claro, descobrir o melhor método de como regular a menstruação.

 

Ilustração de mulher e tipos de absorventes menstruais

  

Causas da menstruação desregulada

São muitos os possíveis motivos que podem estar associados à irregularidade da menstruação. Portanto, é essencial que o ginecologista faça uma avaliação bem completa, considerando, inclusive, seu histórico genético e condições emocionais e mentais. 

 

Entre os fatores mais comuns de um ciclo menstrual irregular estão:

 

  • Endometriose: essa doença é caracterizada pela concentração do endométrio fora do útero, se fixando nos ovários ou nas trompas de falópio. Entre os sintomas estão sangramento anormal, cólicas ou dor intensa antes e durante a menstruação.

  • Doença inflamatória pélvica: a DIP é uma IST (infecção sexualmente transmissível) que afeta o sistema reprodutor feminino e causa corrimento vaginal intenso com odor desagradável, períodos irregulares e dor pélvica.

  • Síndrome dos ovários policísticos: a SOP ocorre quando os ovários produzem grandes quantidades de hormônios andrógenos, que impedem ou atrasam a ovulação, o que resulta em períodos irregulares. 

  • Insuficiência ovariana primária: esta condição ocorre quando os ovários não funcionam normalmente, fazendo com que a menstruação se torne irregular ou, até mesmo, deixe de descer. Pode ocorrer durante o tratamento do câncer com quimioterapia e radiação ou em casos de algumas doenças autoimunes.

  • Distúrbios da tireoide ou da glândula pituitária: são problemas que afetam diretamente os hormônios, o que faz com que a menstruação se torne irregular.

  • Câncer uterino ou de ovário: alguns tipos de câncer podem afetar o período menstrual.

  • Estilo de vida: nessa categoria entram muitos fatores, como estresse, mudança significativa no peso corporal e baixíssima gordura corporal.

  • Pílulas anticoncepcionais: começar a usar ou interromper o uso de contraceptivos hormonais pode fazer com que os períodos menstruais se tornem irregulares por alguns meses.

  • Uso de medicamentos, como esteroides ou anticoagulantes.

 

Outros possíveis fatores são aborto espontâneo, gravidez ectópica e cirurgia.

 

Afinal, regular o ciclo menstrual é possível?

Antes de qualquer coisa, é preciso entender a causa dessa menstruação irregular. Como mostramos acima, são muitos os possíveis cenários, e o tratamento vai depender essencialmente do diagnóstico. Por isso é superimportante consultar o médico, para que o profissional de saúde indique o mais adequado para o seu caso.

 

Algumas das possibilidades mais comuns para regular o ciclo menstrual são:

 

  • Controle de natalidade hormonal: como pílulas anticoncepcionais, anel vaginal, anticoncepcional injetável ou DIU (dispositivo intrauterino).

  • Ácido tranexâmico, que é um medicamento prescrito para tratar sangramento menstrual intenso. 

  • Terapia hormonal: utilizada em casos em que a irregularidade está relacionada à perimenopausa.

 

Benefícios de regular a menstruação naturalmente

Nem sempre o uso de hormônios e medicamentos será o mais indicado, tá? Algumas mudanças no seu estilo de vida já podem impactar diretamente o seu ciclo menstrual, como:

 

  • Reduzir o estresse

  • Meditar

  • Praticar yoga

  • Controlar o peso corporal

  • Exercitar-se com moderação (tudo em excesso faz mal!)

  • Regular os níveis de vitamina D, que ajuda a regular a ovulação

 

Já algumas crendices populares, como o efeito do chá de canela sobre a menstruação, podem ser descartadas - já que não há evidências científicas de que funcione.

 

Identificar uma possível irregularidade na sua menstruação só será possível se você acompanhar cada período do seu ciclo menstrual. Por isso, não deixe de manter o seu calendário menstrual atualizado e compartilhe essas informações com a sua ginecologista, combinado?

 

 

Tati Barros

Jornalista mineira, com mais de dez anos de experiência. É criadora e apresentadora do podcast Solteira Profissional, que aborda o universo de relacionamentos e sexualidade. Produz conteúdos para diversos veículos e formatos, com foco, especialmente, nas editorias de saúde, bem-estar e comportamento. Tem um grande interesse em pautas feministas e sempre está envolvida com essa temática.


Ficou com dúvidas? Kira Responde

Conteúdos pra você

Vem conversar com a gente!

Que tal trocar uma ideia com a nossa comunidade? Deixe seus comentários e bora aprender juntas!

Comentários

Cadastre-se para comentar e participar!