Ilustração de mulher de cabelos longos e olhos fechados com nuvens e raios ao redor da cabeça, simbolizando irritação na TPM

Aprenda como controlar a irritação na TPM

1 de mar de 2024
comentários

Você sabe como controlar a irritação na TPM? Separamos dicas para aliviar os sintomas emocionais que precedem a menstruação. Vem ver!

Para uma pessoa que menstrua, um “bom dia” meio seco na TPM já pode ser motivo para uma tempestade em forma de irritabilidade. E por mais que tenha quem ainda encare esses sintomas pré-menstruais como frescura, sabemos bem que eles são reais e, inclusive, podem prejudicar o nosso bem-estar. Mas a boa notícia é que é possível aprender como controlar a irritação na TPM 😊

 

LEIA TAMBÉM:

 

Ilustração de mulher sentada em posição de meditação sobre tapete de ioga

 

Causas da irritação na TPM

A tensão pré-menstrual, mais famosa pela sigla TPM, é o conjunto de sintomas que se manifestam na fase que antecede a menstruação. São muitos os possíveis sinais emocionais de que o sangramento se aproxima, como:

 

 

Mas, afinal, por que isso ocorre? O que causa irritação e todo esse monte de sintomas na TPM?

 

Bom, o ciclo menstrual é regido pela variação dos níveis de dois hormônios: o estrogênio e a progesterona.

 

Na fase da TPM, há uma queda de estrogênio, enquanto a progesterona aumenta. Com o estrogênio em baixa, também há uma redução na concentração da serotonina, que é o neurotransmissor que ajuda a regular o humor. E aí vêm esses desagradáveis sintomas.

 

Mas, olha só: se a irritação na TPM e qualquer outro sintoma estiverem muito intensos e prolongados, afetando a sua qualidade de vida, não deixe de consultar o seu ginecologista, para que ele analise se não é um caso de TDPM.

 

O transtorno disfórico pré-menstrual (TDPM) é considerado uma forma mais grave da TPM, também causada pelos hormônios. O que pode ocorrer é uma queda abrupta de progesterona e estrógeno, afetando um sistema de neurotransmissão do cérebro que ajuda a controlar a ansiedade. 

 

Como aliviar os sintomas emocionais da TPM

Vamos considerar, aqui, a irritabilidade causada pela clássica TPM, ? Antes de tudo, é importante saber que para controlar a irritação na TPM é válido pensar em promover uma mudança no estilo de vida. 

 

Isso porque alguns hábitos, quando incluídos na rotina, podem impactar diretamente o nosso humor. Para uma melhor qualidade de vida e sensação de bem-estar, procure incluir na sua rotina:

 

  • Práticas regulares de atividades físicas;

  • Uma alimentação rica e balanceada;

  • Noites de sono de cerca de 8 horas;

  • Ioga e meditação;

  • Medicina alternativa, como uso de suplementos vitamínicos, remédios herbais e fitoterápicos, além de acupuntura.

 

Afinal, como diminuir a irritabilidade na TPM?

Veja esse estudo que interessante: um levantamento relacionou a TPM com a prática de crimes. Em um presídio feminino, na França, das 156 condenadas, 49% executaram seus delitos durante a fase pré-menstrual.

 

No Brasil, existem estudos que estabelecem uma relação entre espancamentos de filhos e a TPM, mostrando que acessos de fúria são motivados pela ação dos hormônios.

 

O que concluir com isso? Que a TPM não deve ser menosprezada e, sim, tratada com a seriedade que ela merece. 

 

Uma dica que faz total diferença: registre em seu calendário menstrual de Kira sempre que sentir uma alteração no seu humor, anotando ainda os gatilhos dessas manifestações. E, claro, não deixe de compartilhar essas anotações na sua próxima consulta médica. 

 

O ginecologista pode, por exemplo, receitar o uso de anticoncepcionais, vitaminas e medicamentos para redução da irritabilidade na TPM. A menstruação vai te acompanhar por grande parte da sua vida e não deve ser um fator que atrapalhe a sua rotina!

 

Você encontrou uma forma de controlar a irritação na TPM? Conta pra gente nos comentários!

 

Tati Barros

Jornalista mineira, com mais de dez anos de experiência. É criadora e apresentadora do podcast Solteira Profissional, que aborda o universo de relacionamentos e sexualidade. Produz conteúdos para diversos veículos e formatos, com foco, especialmente, nas editorias de saúde, bem-estar e comportamento. Tem um grande interesse em pautas feministas e sempre está envolvida com essa temática.


Ficou com dúvidas? Kira Responde

Conteúdos pra você

Vem conversar com a gente!

Que tal trocar uma ideia com a nossa comunidade? Deixe seus comentários e bora aprender juntas!

Comentários

Cadastre-se para comentar e participar!