disfuncao-sexual-feminina-1

Disfunção sexual feminina. O que causa e quais os tratamentos

27 de mar de 2023
comentários

Será que você sabe o que é disfunção sexual? Nós te contaremos quais são as principais causas e tratamentos. Bora lá descobrir mais sobre esse assunto!

Quando falamos em disfunção sexual, logo pensamos nas dificuldades masculinas de ter uma ereção. Mas as pessoas que menstruam também podem ter dificuldades para sentir prazer e mesmo que isso não impeça a penetração, é sim um motivo para buscar ajuda e não seguir em frente com qualquer ato sexual. Afinal, ninguém merece transar sem vontade ou sentindo algum tipo de dor ou incômodo. 

 

disfuncao-sexual-feminina-2

 

Disfunção sexual

Disfunção sexual é um termo guarda-chuva que engloba qualquer falta de desejo, excitação ou dificuldades para chegar ao orgasmo, assim como dor na hora de transar

 

O que é disfunção sexual

De acordo com o Centro Nacional de Biotecnologia da Informação, nos Estados Unidos, a disfunção sexual feminina é um problema bastante comum. Tá preparada?

 

Aproximadamente 40% das mulheres enfrentam algum dos principais sintomas da disfunção sexual ao longo da vida, especialmente as mais velhas. O baixo desejovontade de trocar carícias e transar mesmo é a principal queixa.

 

Os números podem parecer altos e até assustar, mas se você conversa bastante com suas amigas sobre sexo, já deve ter notado que essas queixas são até comuns. Mulheres que estão em relacionamentos longos, por exemplo, podem ter menos vontade de transar. Pessoas que começaram a usar métodos contraceptivos hormonais, também. Ou, talvez, você esteja começando a sua vida sexual agora e fique tão nervosa na hora do vamos ver que acaba sentindo um pouco de dor ou desconforto.

 

É claro que é absolutamente normal não estar sempre com a libido lá em cima. Há muitos fatores que podem prejudicá-lo, como momentos estressantes, de muito trabalho ou até um coração partido que acaba derrubando o interesse em sexo. Ninguém é obrigada a sempre ter vontade de transar. Por outro lado, quando a disfunção sexual é um problema na sua vida, pode ser importante investigar as causas. 

 

Principais causas

As causas da disfunção sexual podem ser emocionais e psicológicas, ou fisiológicas, ou seja, provocadas por alguma doença feminina ou problema de saúde. Veja as principais:

 

 
  • Condições de saúde femininas, como a endometriose e os miomas no útero, que podem provocar dor ou desconforto na hora do sexo;

  • Desequilíbrios hormonais que podem reduzir a libido ou diminuir a lubrificação da ppk (o líquido natural produzido na região íntima para facilitar o sexo e deixá-lo muito mais confortável e gostoso);

  • Uso de certos medicamentos ou tratamentos, como métodos contraceptivos hormonais;

  • Em alguns casos, condições de saúde específicas, como diabetes ou esclerose múltipla;

  • Depressão, estresse ou ansiedade;

  • Traumas ou histórico de abuso;

  • Problemas no relacionamento, como falta de confiança ou interesse na outra pessoa.

 

 

disfuncao-sexual-feminina-3

 

Como tratar

Tratar a disfunção sexual é possível, mas vai depender muito da causa. O importante é entender que você não está sozinha e não deve sentir vergonha de pedir ajuda, seja ao ginecologista, ao psicólogo ou até a uma pessoa próxima. 

 

O ginecologista, por exemplo, pode identificar que você está com alguma condição de saúde íntima, ou que o seu método contraceptivo hormonal está provocando uma queda de libido. Ele também pode te recomendar para outro profissional de saúde caso necessário.

 

Se a falta de desejo, dor ou desconforto têm fundo emocional, é fundamental procurar um profissional de saúde mental, como psicólogo e, se necessário, psiquiatra. 

 

Você tem direito a uma vida sexual plena, a se sentir confortável e a sentir prazer, seja sozinha ou com outra pessoa. Lembre-se de cuidar bem de si mesma, do seu corpo e da sua saúde mental, respeitando os seus limites sempre. 

 

 

Camila Luz 

Jornalista formada pela Cásper Líbero, estudou Mídias Internacionais na Université Paris 8 e é mestre em Jornalismo e Direitos Humanos, com especialização em Diplomacia, pela Sciences Po Paris. Escreve sobre saúde, ciência e tecnologia desde 2016, com maior dedicação à saúde da mulher. Também é consultora em comunicação para organizações internacionais. Vive em Washington D.C. (EUA) e é fã assídua dos livros da Elena Ferrante.


Ficou com dúvidas? Kira Responde
Vem fazer parte da Comunidade Intimus®!
Troque ideias sobre suas experiências, tire dúvidas e interaja com meninas e mulheres como você, sobre menstruação ou qualquer outro assunto! Ah, tudo isso sem julgamentos, ok?
Além de toda a troca que você vai ter na comunidade, você ainda ganha recompensas!🏆
Juntas somos mais fortes. 🌸

Vem conversar com a gente!

Que tal trocar uma ideia com a nossa comunidade? Deixe seus comentários e bora aprender juntas!

Comentários

Cadastre-se para comentar e participar!