pilula
Como funciona pílula do dia seguinte?
16 de dez de 2021

Como funciona pílula do dia seguinte?

Kira

Será que a pílula do dia seguinte atrasa a menstruação? Vem saber

Você sabe como funciona a pílula do dia seguinte? Ela é um método relativamente novo, fruto de estudos do médico canadense Albert Yuzpe entre os anos 1960 e 1972. Yuzpe descobriu que o uso de uma super dosagem de pílulas anticoncepcionais orais comuns provocava a prevenção da gravidez também depois da relação sexual. Por isso que chamamos de "pílula do dia seguinte de contracepção de emergência". Mas ela não é um método contraceptivo que você pode usar no dia a dia, por exemplo. Vamos entender melhor isso!

desenho de uma menina colocando uma pílula na boca segurando um copo de água


A pílula do dia seguinte funciona?

A pílula do dia seguinte é feita de compostos hormonais concentrados e precisa ser usada rapidamente após a relação sexual para funcionar. Você precisa ler na bula com atenção mas, em geral, você só pode tomá-la até 72 horas após a relação. E existem pílulas de dose única ou duas doses.

 

A pílula bombardeia seu corpo com hormônios para evitar que a fecundação aconteça e que o embrião se implante no útero.

 

É por isso que existe um mito de que o comprimido provoca aborto, o que não é verdade. Seu efeito no organismo ocorre antes mesmo da gravidez: se a fecundação ainda não aconteceu, o medicamento age dificultando o encontro do espermatozoide com o óvulo. Mas se a fecundação já aconteceu, ela não causa danos ao embrião.

 

desenho de uma menina olhando para um relógio

 

A pílula do dia seguinte atrasa a menstruação?
A base dela é a progesterona, que, em doses altas, pode inibir a ovulação. Atualmente, 28% das usuárias relatam que a pílula atrasou a menstruação em até um pouco mais de sete dias. Esse é apenas um dos efeitos colaterais da pílula do dia seguinte.

 

Onde conseguir a pílula do dia seguinte?

Você pode pedir em qualquer farmácia sem a necessidade de receita, ou ir a um posto de saúde. A distribuição é liberada pelo SUS sem receita médica desde 2017. Mas não se esqueça: a pílula do dia seguinte não pode, de forma alguma, ser usada como um anticoncepcional de rotina. Seu uso contínuo faz com que ela perca o efeito e ainda pode causar complicações para o seu corpo. Use esse método apenas quando tiver uma emergência, tá bem?


Vem conversar com a gente!

Que tal trocar uma ideia com a nossa comunidade? Deixe seus comentários e bora aprender juntas!

Comentários

Cadastre-se para comentar e participar!

Cadastrar-se