ate-que-idade-os-seios-crescem-1

Até que idade os seios crescem? Vem entender

29 de set de 2022
comentários

Se você está doida para descobrir até que idade os seios crescem, vem com a gente que te explicamos tudo sobre o desenvolvimento das mamas

O corpo muda bastante ao longo de adolescência e sempre rola um monte de dúvida em relação à nossa aparência física — e o tamanho das mamas é uma das principais preocupações. As meninas que sonham com seios grandes ficam na ansiedade, esperando que cresçam. Já as que têm bastante peito desde o início podem desejar o contrário, ou seja, que parem de crescer logo!  

 

ate-que-idade-os-seios-crescem-2

 

Até que idade os seios crescem? 

A ginecologista Rebeca Gerhardt conta que o início da transformação mamária — ou seja, do crescimento dos seios — é o principal marco de desenvolvimento durante a puberdade. Ele é até mais importante do que a primeira menstruação, pois tem início cerca de dois anos antes da menarca (o nome técnico para a primeira vez que a gente fica menstruada).

 

"Nessa época, temos o desenvolvimento do broto mamário, aquele carocinho na região dos mamilos", diz. Os caroços são bem durinhos e, quando rola algum acidente, como uma bolada bem em cima deles na aula de educação física, pode doer bastante. 

 

Os brotos mamários podem surgir bem cedo, por volta dos sete ou oito anos de idade. Mas isso varia bastante de menina para menina. Por isso, é difícil saber até que idade os seios crescem. 

 

"O desenvolvimento mamário acontece até por volta dos 16, 18 anos", diz a dra. Rebeca. "Estamos falando sobre formação das glândulas e definição dos mamilos, por exemplo." Mas desenvolvimento não equivale a crescimento. As mamas podem parar de crescer mais cedo ou continuar crescendo até mais tarde. E, na verdade, o tamanho dos seios pode mudar ao longo da vida. 

 

O tamanho das mamas tem muito a ver com o peso corporal. Engordar pode provocar seios mais fartos, enquanto emagrecer muito pode ter o efeito contrário. Outros fatores, como engravidar ou amamentar, também podem provocar alterações. "As mamas são compostas por glândulas e tecido adiposo, ou seja, gordura. Por isso, quanto mais gordura corporal você ganhar, mais os seios podem crescer", explica a ginecologista. 

 

Como fazer os seios crescerem? 

Não há passe de mágica para fazer os seios crescerem. Alguns métodos contraceptivos hormonais podem provocar um inchaço nas mamas pela retenção de líquido. Você já deve ter notado que, durante a TPM, os seios ficam mais inchados, duros e até doloridos. Por outro lado, quando a menstruação desce, eles podem dar uma murchada. Isso é efeito dos hormônios.

 

Se quiser observar ainda mais essas mudanças no corpo das diferentes fases do ciclo menstrual, anotar a data da menstruação e os sintomas que você sente ao longo do mês é uma dica bacana. O calendário menstrual pode te ajudar nessa missão.

 

Olha, um ponto de atenção: não adianta tomar anticoncepcional com esse objetivo em mente, pois não dá para saber se o inchaço de fato vai rolar. E mais importante: nunca faça uso de contracepção sem antes falar com o seu ginecologista.

 

É normal ter seios de tamanhos diferentes?  

Ter seios de tamanhos diferentes é bastante comum e não indica nenhum problema, é só uma característica da nossa fisiologia mesmo. Nossos corpos têm formas, tamanhos e cores diferentes e isso é belo. Afinal, são as nossas características específicas que nos tornam pessoas únicas. 🤗 

  

Encanar com o tamanho de seios, ou com o formato deles, é humano. Nem sempre estamos contentes com o nosso corpo do jeitinho que ele é, né? Mas vale a pena questionar o porquê desse desagrado. É comum a gente se comparar com outras pessoas, especialmente com influenciadoras e artistas nas redes sociais. Na maioria das vezes, elas representam padrões construídos e que não são reais. 

 

ate-que-idade-os-seios-crescem-3

  

Forçar o nosso corpo a entrar em um padrão construído não é justo. Mais vale dar unfollow nas contas que te dão gatilho em relação à sua imagem corporal e seguir influenciadores que tenham narrativas mais acolhedores e positivas.  

  

Se você notar algo esquisito nas mamas, como um carocinho, mudança de coloração ou na aparência da pele, é importante ir ao médico. Alguns sinais podem indicar tumores e outras condições de saúde. Mas para além disso, é só curtir o desenvolvimento do seu corpo e, é claro, ir ao ginecologista regularmente para que acompanhe também.

 

 

Camila Luz 

Jornalista formada pela Cásper Líbero, estudou Mídias Internacionais na Université Paris 8 e é mestre em Jornalismo e Direitos Humanos, com especialização em Diplomacia, pela Sciences Po Paris. Escreve sobre saúde, ciência e tecnologia desde 2016, com maior dedicação à saúde da mulher. Também é consultora em comunicação para organizações internacionais. Vive em Washington D.C. (EUA) e é fã assídua dos livros da Elena Ferrante.

 

Dra. Rebeca Gerhardt

Ginecologista e obstetra formada pela Universidade Estadual de Londrina – sua cidade natal – compartilha todo seu conhecimento médico com Kira e suas leitoras. Fala sem estigmas sobre saúde íntima, sexualidade, cuidados com a ppk e autoestima.


Ficou com dúvidas? Kira Responde
Vem fazer parte da Comunidade Intimus®!
Troque ideias sobre suas experiências, tire dúvidas e interaja com meninas e mulheres como você, sobre menstruação ou qualquer outro assunto! Ah, tudo isso sem julgamentos, ok?
Além de toda a troca que você vai ter na comunidade, você ainda ganha recompensas!🏆
Juntas somos mais fortes. 🌸

Vem conversar com a gente!

Que tal trocar uma ideia com a nossa comunidade? Deixe seus comentários e bora aprender juntas!

Comentários

Cadastre-se para comentar e participar!