menina com cara de dúvidas, com interrogações ao seu lado
Por que a mulher começa a ter escapes de xixi?
4 de jul de 2022

Por que a mulher começa a ter escapes de xixi?

Kira

Os escapes de xixi são mais frequentes do que se imagina. Veja como lidar com eles!

Os escapes de xixi são mais comuns do que se imagina. Dados apontam que 1 a cada 4 mulheres acima de 40 anos lidam com essa condição, e a verdade é que umas "gotinhas malandras" podem escapar em qualquer idade, durante uma risada mais forte, um excesso de tosse ou durante uma atividade física.

 

menina sentada em uma mesa com computador e livros, com a mão no rosto só mostrando um olho, entre os dedos

 

Se acontecer com você uma vez, não se assuste! Pode ser porque a bexiga estava muito cheia e pronto. Mas quando acontecem com frequência, os escapes de xixi podem ser incômodos - e até sinal de que algo no seu corpo precisa de atenção.

O nome técnico para os escapes de xixi que acontecem sempre é incontinência urinária, e em muitos casos ela pode ser tratada.

 

O que causa a incontinência urinária?

A Sociedade Brasileira de Urologia diz que a perda de tônus muscular na região pélvica, onde fica a bexiga, o útero e também a ppk, é a principal causa dos escapes de xixi. Pra quem não está familiarizado com essa expressão, o tônus muscular é um estado natural de tensão constante nos músculos quando eles estão em repouso.

 

As mulheres que já passaram pela menopausa (a última menstruação) ou têm mais de 75 anos são as principais afetadas por essa perda de tônus muscular, por causa do processo natural de envelhecimento do corpo. Mulheres grávidas e que tiveram filhos também podem ter mais escapes de xixi. Mas a condição pode também ser causada por outros fatores, como obesidade e tosse crônica.

 

Para quem tem incontinência urinária, o simples fato de espirrar, tossir, correr, rir, pular ou levantar peso pode provocar os escapes de xixi. Você pode estar tranquila batendo papo com as amigas, cair na gargalhada e sentir que escapou um pouquinho. Ou, então, molhar a calcinha enquanto estiver praticando exercícios físicos.

 

O tratamento para incontinência urinária costuma ser a fisioterapia pélvica. Dependendo das causas, o profissional de saúde pode recomendar tratar as causas, como lidar com a tosse crônica ou perder um pouco de peso em casos de obesidade.

 

Como lidar com os escapes de xixi?

Se escapou um pouquinho e molhou a calcinha, fique tranquila – os escapes de xixi acontecem com mais frequência do que você imagina. Segundo o IBGE, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, cerca de 15 milhões de brasileiras têm escapes de xixi.

 

Mas não é porque acontece com tanta gente que a gente precisa ficar com a calcinha molhada. Afinal, é um incômodo.

 

menina sentada na sala olhando a janela com vista para outros prédios, se esticando

 

Se o escape de xixi rola por aí de vez em quando, você pode usar um protetor diário especial pra isso. Você sabia que existe esse produto? Pois é, existe. O protetor diário Intimus® 2 em 1 oferece proteção contra escapes de xixi e tecnologia de controle de odores pra garantir um cuidado completo para a sua zona íntima.

 

No período menstrual, a melhor opção é o absorvente Intimus® 2 em 1, um absorvente para escapes de xixi e menstruação em uma só proteção. Ele tem um formato anatômico e tecnologia de controle de odores que vão garantir muito mais conforto em qualquer situação. Você já experimentou?   


Vem conversar com a gente!

Que tal trocar uma ideia com a nossa comunidade? Deixe seus comentários e bora aprender juntas!

Comentários

Cadastre-se para comentar e participar!

Cadastrar-se