menstruacao
O que é masturbação: a importância de entender seu corpo
7 de jun de 2021

O que é masturbação: a importância de entender seu corpo

Kira

Você sabe o que é masturbação? Um jeito de praticar o autoconhecimento e o autocuidado. Vem entender mais sobre isso! 

A primeira masturbação, ainda que possa ser considerada um estigma por algumas pessoas, está longe de ser um assunto sobre o qual não se pode falar. É uma prática íntima e pessoal, que gera prazer e descoberta. Falar de masturbação é, na verdade, falar sobre o corpo. Além de o corpo ser nossa ferramenta para todas as atividades, nos permitir estudar, se mover, aprender e tantas outras coisas, ele também é nossa fonte de prazer - e no mundo animal, somos uma das poucas espécies que sente prazer durante o sexo e que faz sexo pelo prazer.

desenho de uma menina deitada


Por que falamos tão pouco de masturbação feminina?

Durante muitos séculos da história humana, o sexo era visto apenas para a reprodução: os casais só poderiam transar se fosse para gerar um bebê. Pensar apenas no “prazer do corpo” era pecado, algo sujo e errado, o que foi sendo desconstruído pouco a pouco, principalmente com o fim da Idade Média.

 

Pensa num filme de época, daqueles em que a moça espera ansiosamente pelo casamento para conhecer o mundo mágico da vida de um casal.

 

Lembrou de algum? Provavelmente você viu a cena da noite de núpcias, quando ela vê pela primeira vez um homem nu (o marido lindo e charmoso, cheio de músculos e desejo por ela), e de como esse momento foi mágico pra ela, né? Na vida real, a história geralmente não acontece bem assim.

 

Se o primeiro contato de uma menina com o seu próprio corpo no sentido sexual acontecer na primeira transa, pode ser que demore um pouco para essa garota sentir prazer, porque ela vai começar a entender a partir daquele momento o que acontece com cada parte do seu corpo. Vai perceber que alguns toques são gostosos, outros não, que alguns não despertam sensações, enquanto outros podem ajudar a "chegar lá", a ter um orgasmo.

 

Por isso é tão importante que você se conheça antes do sexo, para poder curtir o sexo. É se tocando e aprendendo a ter prazer sozinha que você compreende o que é gostoso pra você, e depois curte essa descoberta com alguém. Faz sentido, né?

 

Experimente a masturbação pra descobrir mais sobre você mesma

Basicamente, é a mesma coisa de descobrir quais sabores de sorvete você gosta, ou qual é a sua comida preferida. Você precisa experimentar algumas até saber, não é? Com o nosso corpo e o sexo é assim também! Principalmente nós mulheres, que por muito tempo ao longo da história não fomos incentivadas a descobrir nosso prazer e podemos até ser discriminadas quando vivemos nossa liberdade sexual.

 

Na Idade Média, as mulheres que se masturbavam eram punidas, sabia? Só que não tem nada de errado em se masturbar - aliás, só tem pontos positivos!

 

deseno de uma menina se abraçando

 

Como se masturbar pela primeira vez?

A dica é experimentar, por isso não existe uma receita de bolo pra ensinar. É você com você mesma. Mas você pode pensar em algumas coisas:

As zonas erógenas

Elas são áreas do nosso corpo com maior sensibilidade porque têm mais terminações nervosas, e por isso, tocar, massagear, beijar ou qualquer outro estímulo nessas partes significa boas sensações para o nosso cérebro. As zonas erógenas da mulher são o clitóris e o ponto G (na região genital), os seios, o pescoço, a boca, as mãos e a própria pele, mas a lista pode ser longa, já que segundo a medicina, são mais de 800 zonas erógenas em todo o corpo. E para nós mulheres, estar relaxada é fundamental para que o estímulo nessas áreas chegue até o cérebro, onde tudo é processado.

 

Experimentação

Essa lista acima não é um mapa do que você precisa tocar ou fazer, mas pode ser um primeiro passo para um mundo de possibilidades. Às vezes, um toque nos seios tem o mesmo efeito de estimular o clitóris, ou até mais - ou pode não ser lá grandes coisas. Você só vai saber se se tocar, se descobrir, já que cada corpo é único. O importante é que você conheça o seu corpo!

 

Empodere-se!

O corpo é seu, o prazer é seu, e não tem nada de errado em se masturbar, em querer se dar prazer. A masturbação não é errada, ao contrário do que algumas pessoas podem dizer por aí. Ela não vai tirar seu prazer sexual, te deixar doente ou criar um sinal luminoso na sua cabeça contanto para todo mundo que você acabou de se masturbar. É uma ação perfeitamente normal e saudável e uma forma de conhecer o seu corpo, então faça! #ficaadica

 

É um caminho legal para conhecer e sentir o tão falado orgasmo. Se você sabe do que gosta, onde e como gosta, fica mais fácil pedir para a outra pessoa, ou mesmo conseguir gozar por você mesma 🔥

 

Conheça outros estímulos

Descobriu um jeito interessante de estimular o seu clitóris? Por ali é mais fácil, já que esse ponto específico do nosso corpo é feito exatamente para nos dar prazer. Que tal descobrir outros lugares em que você também sente prazer? Ou outras formas de se tocar que podem ser tão interessantes quanto as que você já conhece?

 

Então vale explorar usando a sua perspectiva (e as suas mãos), a perspectiva e mãos do namorado (ou namorada), usar vibradores e outros brinquedinhos sexuais… o importante é você se descobrir e curtir numa boa!

 

Agora que você já tem a lista de pontos importantes para levar em conta quando for se masturbar - e ótimas razões para fazer isso - lembre-se: não use qualquer objeto, já que isso pode te machucar. Na dúvida, use apenas as suas mãos (elas já podem te dar um prazer incrível).

 

É hora de explorar o seu corpo com segurança e nada mais seguro do que a pressão que seus próprios dedos aplicam sobre a sua pele. Aproveite o momento, e, sim, mantenha a discrição para, assim, preservar a sua intimidade 😉


Vem conversar com a gente!

Que tal trocar uma ideia com a nossa comunidade? Deixe seus comentários e bora aprender juntas!

Comentários

Cadastre-se para comentar e participar!

Cadastrar-se