Ciclo Menstrual: duração e informações
2 de ago de 2021

Ciclo Menstrual: duração e informações

Aprenda com a Kira tudo sobre seu Ciclo Menstrual e Menstruação. Entenda melhor seu período de TPM, cólica, quando ir ao ginecologista e aprenda sobre seu corpo. Veja mais!

 

Conhecer os detalhes do seu ciclo é fundamental para saber como lidar com cada fase e entender as mudanças no seu corpo

 

A sua menstruação chegou, e com ela, além dos cuidados que agora você precisa ter, devem ter vindo um monte de dúvidas e estranhamentos, certo? Por isso é tão importante conhecer o funcionamento do seu corpo e do seu ciclo, para que você consiga entender o que está acontecendo, e até mesmo se preparar para as mudanças que estão rolando e as que virão. 

Então, falando do seu ciclo menstrual, ele vai sempre começar com a sua menstruação. Percebeu que ficou menstruada, já marca na sua agenda (ou na sua calculadora menstrual) para acompanhar, porque daqui a um tempo, você vai conseguir ter mais noção da duração do ciclo e de quando serão as próximas. Outro ponto importante para entender tudo ligado ao ciclo (e até ao seu sistema reprodutor, que está em amadurecimento) é que os principais hormônios relacionados a ele são o estrogênio e a progesterona, e a quantidade deles no seu corpo é o que determina as três fases do ciclo: folicular, ovulatória e lútea. 

A fase folicular é a do começo do ciclo, quando você está menstruada e quando os níveis de hormônios está bem baixo, um novo início: o óvulo do ciclo anterior não foi fecundado, daí morreu e o seu corpo descarta o endométrio (a camada mais externa do útero) para renovar tudo e recomeçar outra vez. Entre essa descamação do endométrio e o aumento dos hormônios no corpo são mais ou menos 12 dias, contando os cinco que dura, em média, a sua menstruação

Na fase ovulatória, a produção de hormônios aumenta porque é preciso amadurecer um folículo, a célula que vai virar um óvulo pronto para ser fecundado, e fazer com que ele saia do ovário para ir em direção ao útero, onde seu corpo espera que ele encontre um espermatozóide e se transforme num embrião. O principal hormônio responsável por amadurecer esse folículo é o estrogênio, e esse processo dura, mais ou menos, uns quatro dias. 

Na fase lútea, a principal tarefa é amadurecer o útero para receber o suposto embrião (lembra das aulas de biologia? Então, ele é o início da vida humana e se forma a partir da combinação das duas células reprodutoras humanas, o óvulo da mulher e o espermatozóide do homem). Nessa fase do ciclo, que dura outros 12 dias, o hormônio em alta é a progesterona, responsável por dar “aquele up” no seu endométrio, mas se o óvulo não é fecundado, ele morre, daí a produção de hormônios cai e o endométrio descama, sendo expulso do corpo na menstruação. E assim recomeça mais um ciclo. 

 

 

Bom, essa é a teoria, mas é importante destacar que ela vale apenas para um sistema reprodutor maduro - ou seja, a partir de dois anos (um pouco mais ou menos, depende do organismo) da primeira menstruação, a menarca. Se você ainda está no primeiro “intervalo”, provavelmente não ovula e o seu corpo está fazendo a “receita” sem todos os ingredientes. 

E isso também pode indicar que muitos dos sintomas do ciclo menstrual, como a Tensão Pré-Menstrual, ou TPM, cólica, espinhas no rosto, variações de humor e até problemas de sono podem não acontecer na mesma intensidade de um ciclo maduro. Pode não ser o seu caso no momento, mas conhecer esses pontos mesmo antes que eles aconteçam te preparam para o momento em que o seu ciclo já está maduro. 

Agora, se você já sofre com cólicas ou percebeu muitas mudanças depois que passou a menstruar, e isso tem bem pouco tempo, talvez valha procurar a sua ginecologista (ou o seu) para entender se está tudo bem com você. Assim como a menstruação é um sinal de saúde, se você deixa de fazer atividades de rotina por causa do seu ciclo, precisa ficar de olho. Pode ser que você esteja com algum problema de saúde e, quanto antes começar a tratar, melhor. ;)

Também por estar no processo de amadurecimento do seu sistema reprodutor você tem muito mais chances de ter ciclos irregulares, com intervalos maiores do que 35 dias ou menstruações mais curtas do que dois dias. Como já falamos, o seu corpo está se adaptando às mudanças, e por isso pode demorar um pouco para seu ciclo ficar regular, e lembra de alguns pontos: sua menstruação dura, em média, cinco dias, e os ciclos, entre 21 e 35 dias. Já a ovulação, que é o “marco” da maturidade completa do ciclo, só acontece depois de dois anos da menarca. 

Além do estrogênio e da progesterona, seu ciclo tem outro elemento importante: a prostaglandina, uma substância parecida com um hormônio, mas com atuação mais local. Basicamente, é ela que atua no movimento de descamação do endométrio (a camada de fora do seu útero), e o excesso dessa substância no seu organismo é o principal causador das cólicas menstruais. Claro que não dá pra colocar toda a culpa na prostaglandina, então se você estiver com muita cólica, pode ser por outros motivos, como endometriose ou síndrome do ovário policístico, para começar a lista. Por isso é importante ter acompanhamento médico, pois ao menor sinal de que algo não está bem, você tem tempo para investigar as causas e tratar o problema com calma, evitando que a situação se agrave.

Deu pra perceber porque conhecer e entender o seu corpo é tão importante? Saber mais sobre o seu ciclo te ajuda a planejar uma série de coisas na vida, e os pequenos sinais que nosso corpo nos dá podem fazer toda a diferença entre perceber que algo não está muito bem com você - e isso é fundamental para cuidar da gente tendo o tempo como nosso aliado, e não nosso inimigo. 

Para todo esse cuidado, você também pode contar com a linha de produtos Intimus: dos absorventes para todos os dias do seu período menstrual e diferente fluxos ao sabonete e lenços para a limpeza da região íntima

 

Por isso consulte sua ginecologista a partir da primeira menstruação, anote todas as informações que conseguir sobre o seu ciclo na sua calculadora menstrual e fique de olho na sua saúde!

 

 


Queremos te escutar!

Estamos sempre buscando melhorar nossa plataforma. Deixe sua opinião aqui

Comentários

Os comentários serão publicados após aprovação

Cadastrar-se